A Secretaria de Saúde e Assistência Social de Anta Gorda adaptou os atendimentos com a nutricionista para conseguir manter o acompanhamento de pacientes, em especial os idosos, diabéticos e hipertensos.

A Secretaria de Saúde e Assistência Social de Anta Gorda adaptou os atendimentos com a nutricionista para conseguir manter o acompanhamento de pacientes, em especial os idosos, diabéticos e hipertensos.
A nutricionista Debora Tubiana conta que atende grupos da Secretaria de Saúde e do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), além de pacientes na Unidade Básica de Saúde (UBS). “Atendemos os grupos e também os pacientes na UBS, temos uma agenda semanal, então para não deixar sem atendimento, principalmente os idosos, o acompanhamento está sendo feito por telefone. Temos respaldo em lei nos autorizando, então eu ligo e pergunto como estão. Os diabéticos me contam como está o HGT que é o teste de glicose, me passam como foi e se tiver alguma alteração eles são orientados a buscarem atendimento na Unidade Básica de Saúde. Temos também o grupo de hipertensos e diabéticos, estou ligando para todos aos poucos, pois a lista é grande, mas com certeza é muito gratificante, temos um retorno inexplicável. Eles ficam contentes, agradecem muito pela nossa preocupação”, fala Debora.
Para atender os grupos do Cras, em especial aos idosos, a nutricionista conta que está fazendo transmissão ao vivo com orientações. “No Cras estamos fazendo lives sobre alimentação saudável, Covid-19, os cuidados que devem ter com a alimentação, orientações para a higienização dos alimentos quando chegam do mercado. Já ensinamos receitas saudáveis para esse período que estão mais ociosos e nas próximas lives vamos ensinar fazer as máscaras de tecido. Destacando que a live não é só para a terceira idade, mas para todos que seguem no Facebook do Cras de Anta Gorda”, salienta a profissional.
Debora enfatiza que os atendimentos nunca pararam, apenas foram adaptados, somente os atendimentos presenciais na UBS haviam sido interrompidos, mas que aos poucos estão sendo retomados. “Nosso trabalho nunca parou, o atendimento na UBS havia sido interrompido, agora está sendo retomado, estou marcando um ou dois atendimentos por turno, para não aglomerar. Mas é importante as pessoas entenderem que esse não é o momento certo para dietas restritivas, pois o nosso sistema imunológico fica baixo”.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Data de publicação: 17/04/2020

Compartilhe!