Alunos voltaram às aulas e encontraram muitas novidades nas escolas

No período de férias a Secretaria Municipal de Educação realizou diversas ações de melhorias nas escolas municipais Caetano Periolo na Linha Pedro Álvares Cabral, Augusto Meyer na Linha Quarta, Pinheiro Machado na Linha Primeira e na Girassol no centro.
Sob a coordenação da secretária de Educação, Doris Felini Dallé, as melhorias nas escolas foram promovidas, visando o bem-estar dos alunos e professores e a qualidade da educação. “Como são prédios antigos situados no interior, precisamos fazer muitas melhorias e reformas sempre observando questões pedagógicas e didáticas”, esclareceu Doris.
Escola Pinheiro Machado
Neste ano a escola que mais recebeu obras e atenção foi a Pinheiro Machado da Linha Primeira, por ser a que mais apresentava demandas em termos de obras e melhorias. O serviço ainda não está pronto, mas a estrutura da escola já melhorou muito graças ao trabalho da Administração e da equipe da escola. O espaço encanta quem no educandário chega, não apenas com a estrutura, com professores e alunos, mas com o clima de otimismo, união e doação.
À frente da escola Pinheiro Machado desde 2017, a diretora Tatiane Rosa de Moraes ressaltou que muita coisa mudou desde que assumiu o cargo. “Não havia uma boa biblioteca. Não tinham computadores para uso dos alunos. Eram muitas carências. A escola estava em estado de abandono, quando começamos a fazer um mutirão de reorganização, foram chamados pais e comunidade e fizemos diversas ações para melhorar a estrutura da escola, foram retirados da biblioteca todos os livros que não tinham mais condições para leitura, fizemos parceria para conseguir livros novos e os computadores conseguimos tanto de pessoas físicas quanto jurídicas sendo todos doados. Foram recebidos 12 computadores, todos com acesso à internet, hoje temos uma boa biblioteca, brinquedoteca e laboratório de informática em perfeitas condições de uso. Só temos que agradecer. Esta é a prova de que quando se quer algo e você busca, se consegue”, frisou.
Na Pinheiro Machado são quatro professores divididos em três turmas, com alunos de três a 11 anos, sendo 26 no total.  Na escola estão sendo construídos banheiros para alunos e professores, um escovatório e está sendo implantado um novo parquinho. Também foram realizadas melhorias no porão, onde o refeitório e a cozinha foram reformados e um espaço para a brinquedoteca foi criado, tudo isso visando melhorar as condições da escola.
A diretora Tatiane que é tradicionalista, trabalha fortemente com o DTG Herança Gaúcha, o qual fundou junto a escola em 2017. Ela conta com a participação de todos os alunos. A partir deste ano a escola liberou para que ex-alunos e irmãos de alunos participem do DTG, iniciando os ensaios em abril. A inscrição é gratuita e não há gastos durante o projeto, que recebe apoio de patrocinadores. Os encontros ocorrem no horário de aula.
São desenvolvidos na escola outros projetos como a oficina de artes e aulas de inglês, com os próprios professores da instituição de ensino. “Trazer cultura para dentro da escola é importante, ainda mais com a nova base curricular. Não é mais só tabuada, leitura e decorar. Agora é formar a pessoa para o mundo, é formar conhecimento como era antigamente, o aluno fica muito mais ativo. Tudo o que fazemos tem um propósito, é tudo para o aprendizado dos alunos”, concluiu.
Escola Augusto Meyer
Na escola Augusto Meyer da Linha Quarta as melhorias também foram expressivas, com reformas na cozinha e no refeitório aonde as crianças podem saborear o lanche. As calçadas foram recuperadas, os banheiros e o escovatório foram reformados e novas cadeiras para a sala dos professores foram adquiridas.  
Segundo o diretor da escola, Vilmar Stello, após a reforma da cozinha percebe-se nitidamente o aumento de qualidade. “Temos agora uma cozinha ótima, tudo bem organizado, aonde os alunos podem sentar e usufruir da merenda”, destacou. A Augusto Meyer conta com nove professores e 68 alunos do maternal ao 9° ano.
Emei Girassol
Na Emei Girassol pelo fato de ser uma escola mais nova, tento sido inaugurada em outubro duas novas salas, o intuito era conseguir matricular todos os alunos que estavam na lista de espera, assim atingindo o objetivo enquanto município.
Escola Caetano Periolo
Para a escola Caetano Periolo, foram comprados objetos novos, organizada a sala de informática com novos computadores, adequando o espaço da cozinha e lavanderia. Diversas melhorias foram realizadas em todas as unidades.
Com o objetivo de deixar tudo em dia da melhor forma, Dóris sente a importância de manter as escolas do interior ativas para que todos se sintam bem e valorizados aonde vivem. “Eles são a base de Anta Gorda, fazem parte da agricultura, eles merecem o melhor, temos que dar essa base de sustentação para eles e para os filhos. As melhorias serão contínuas sendo realizadas durante o ano, para sempre ir evoluindo conforme a necessidade de cada local”, enfatizou Doris.  

Fonte: Assessoria de Imprensa

Data de publicação: 13/03/2020

Compartilhe!