Em Anta Gorda, rotas estão sendo elaboradas por agências de turismo em parceria com a Administração Municipal

Turismo receptivo. Essa deve ser a nova aposta das famílias que devido à pandemia não podem viajar para grandes centros, enfrentar voos e buscam economizar. As curtas viagens, feitas de carro ou moto, são preferencialmente voltadas ao interior.

Em Anta Gorda, por meio de uma iniciativa da Promove Turismo e Eventos em parceria com agências de outra região e Poder Público Municipal, roteiros turísticos estão sendo elaborados para receber visitantes dos mais variados lugares. “Os roteiros são os mesmos da Rota da Erva-Mate, Caminho dos Moinhos e Trem dos Vales, porém a Promove está formatando-os em conjunto com demais agências de turismo, para que sejam comercializados. Por tanto, visitamos os empreendedores e os atrativos da região do Vale Taquari com o objetivo de trazer os turistas para nossa região. Nossas visitas tem carácter técnico”, destaca o gerente da Promove Turismo e Eventos, Vanildo Roman.

Conforme ele, no final de semana a agência Conquistar Viagens e Turismo, de Caxias do Sul, esteve visitando a região junto à agência promove. “Fomos muito bem recepcionados pela prefeita Madalena Gehlen Zanchin, pela secretária de Turismo Dóris Fellini Dallé, pelos empreendedores do grupo Pitol, Parada Toigo e Gruta Nossa Senhora de Lourdes, em Anta Gorda; pelo diretor do Museu do Pão Ismael Rosset, pelo guia da indústria de erva-mate Ximango e no Santuário São Paulo Apóstolo, em Ilópolis; na empresa Divine Chocolate, de Encantado; na Estação do Trem e no Café Colonial Brandão, em Muçum; no Viaduto 13, em Vespasiano Correa; no Restaurante Recanto do Nono, na Estação do Trem e no Cristo Redentor de Guaporé”, conta.

Roman ressalta que a próxima visita técnica será realizada nos próximos dias, em outros roteiros do Vale do Taquari. “A Promove está trabalhando com objetivo de que as agências dos grandes polos como Caxias do Sul e Porto Alegre, comecem a visualizar o Vale do Taquari. Nosso produto principal será o Trem dos Vales, nosso carro chefe que agregará nos roteiros para que o turista possa além de contemplar o passeio de trem, conhecer a região”, relata.

“A região tem um potencial turístico enorme levando em consideração a importância histórica que ela carrega por meio do chimarrão e da erva-mate. Achamos o Parque do Ibama, na região de Ilópolis, também muito interessante, pois conta toda a história do chimarrão, desde 1509. Nas regiões de Muçum e Guaporé, acredito que com a vinda de trem de forma permanente, a região poderia dar um grande salto turístico no Estado. Acredito que o passeio de trem pela Ferrovia do Trigo pode ser considerado um dos mais interessantes do Brasil pela quantidade de pontes e túneis que é o que realmente impressiona o público”, acrescentou a consultora de viagens da agência Conquistar, de Caxias do Sul, Vanessa Coffy.

A prefeita Madalena, explanou sobre a visitação do final de semana. “Além da questão de resgatar o turismo no Estado, estipulou-se que pela quantidade de pontos turísticos, as visitações devem ocorrer em dois dias. Nos foi proposta também a ideia de o município ofertar um selo de turismo para os empreendedores que proporcione protocolos para receber os visitantes. Isso vai gerar segurança ao turista que queira vir para Anta Gorda, mesmo em tempos de pandemia”, salientou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Data de publicação: 28/07/2020

Compartilhe!